Então, eu finalmente assisti! (som de fogos de artifício)

Marilyn faz o papel de uma periguete dos anos 50 de uma moça que busca um marido milionário, de preferência que tenha alguma relação com diamantes (because diamonds are the girl’s best friend!). Ela já tem um noivo milionário abestalhado, cujo pai não quer que case com ela, a gente nem imagina por quê, né? Mas ela não irá hesitar em trocá-lo se encontrar um partidão melhor. Anyways, o filme é da década de 50, não mostra nada mas subentende-se tudo. Cheio de insinuações do que Lorelei Lee (o papel de Marilyn) poderia estar fazendo por aí com o noivo, com Piggy – dono de mina de diamantes na África do Sul-, com o pai do noivo… Mas provas, não há! hahahaha

Que Marilyn é uma diva, com uma voz linda e um charme incomparáveis, não dá pra negar. Mas eu me encantei mesmo com o papel da Jane Russel, Dorothy Shaw. Uma mulher que sabe o que quer, “despachada”, que vai lá e resolve! Não tem o mesmo jeitinho de gatinha no cio que Lorelei mas também é desejada pelos homens, e foi isso que achei incrível. Ainda mais em um filme dos anos 50. Tá, a Jane não tem a mesma desenvoltura e leveza da Marilyn nas danças – mas, quer saber? Gostei assim mesmo! Ponto pra Jane Russel!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s